60167 Portugal Musica


Lisboa, 22 Fev (Lusa) - António Victorino d'Almeida, Joly Braga Santos e
Jorge Peixinho são alguns dos compositores portugueses com peças integradas
no álbum "Portugal - Klang der Welt", gravado por músicos da Orquestra da
Ópera de Berlim, editado esta semana.
A Orquestra realiza desde 1998 um ciclo de música de câmara intitulado
"Klang der Welt" (Sons do Mundo), tendo escolhido compositores de Portugal e
Espanha na temporada de 2004/2005, data desta gravação, agora editada pela
Ovação.
Além de Braga Santos, Peixinho e Victorino d'Almeida, o álbum inclui
composições de Filipe de Sousa e Viana da Motta.
O CD abre com o septeto de Vitorino d'Almeida para flauta, oboé, clarinete,
trompa, fagote, piano e xilofone, sendo interpretado, de Braga Santos, o
Quarteto de cordas em Lá menor (opus 27) composto em 1956.
De Jorge Peixinho, falecido em 1995, foram escolhidas cinco peças curtas
para piano, compostas em 1959, de Filipe de Sousa toca-se o quinteto para
sopros, composto em 1957, e, finalmente, de Viana da Motta foi escolhido o
Quarteto para cordas (opus 2) em Sol Maior.
Os músicos intervenientes, pertencentes ao Teatro de Ópera berlinense,
distribuem-se por dois conjuntos, um quarteto e um quinteto.
O quarteto, intitulado Eosander, foi buscar o seu nome ao arquitecto sueco
do século XVII Johann Friedrich Nilsson Eosander, autor de vários palácios
na capital alemã.
O quinteto, Quintettsolisten der deutschen Oper Berlim, além dos músicos da
Ópera, inclui instrumentistas da Sõchsische Staatskapelle de Dresden.
A edição discográfica é acompanhada por uma brochura com textos assinados
por Carsten Jens, contextualizando a obra e apresentando cada um dos
compositores.
NL.
Lusa/Fim
Música: Músicos da Ópera de Berlim gravam CD com compositores portugueses 22.02.2007